Conhecimento técnico e científico do universo fitness e bodybuilding.

Hipertrofia quer dizer aumento do volume das células, quando ocorre no tecido dos músculos é o que chamamos popularmente de ganho de massa muscular. Para que ela ocorra são necessários estímulos e o aporte de nutrientes.

Dessa maneira, os suplementos para hipertrofia são grandes aliados no ganho muscular. Mas, você sabe quais são os melhores produtos para esse objetivo? É sobre isso que falamos neste post. Continue a leitura e descubra!

Como ocorre a hipertrofia muscular?

A hipertrofia muscular é uma resposta do organismo ao estresse metabólico. Quando praticamos exercícios físicos intensos, levamos o músculo ao estresse nas fibras musculares, que é chamado de lesão muscular.

Ao fazer um novo estímulo, ou seja, ao continuar praticando atividades físicas, ocorrem microlesões nas fibras musculares, e é durante a reparação delas que há o aumento no tamanho das células.

Para sanar essas lesões, o organismo sintetiza proteínas e substâncias cicatrizantes, como o sarcoplasma. Há uma fusão das células satélites com as fibras musculares, e o resultado é a hipertrofia.

É como se o corpo colocasse uma nova camada de células para consertar as lesões causadas pelo estresse dos músculos. É por esse motivo que as atividades intensas, como a musculação, são as mais recomendadas para o ganho de massa muscular.

Quais são os melhores suplementos para hipertrofia?

Para a hipertrofia acontecer é necessário que o organismo tenha um auxílio adequado de nutrientes. É por esse motivo que os suplementos alimentares são de muita ajuda no ganho de massa muscular.

A seguir, confira os melhores itens e as suas contribuições na construção dos músculos.

Proteínas

Os suplementos de proteínas podem ser considerados os mais conhecidos por quem quer ganhar massa muscular. Isso porque, esse nutriente é essencial para a regeneração das fibras musculares.

As proteínas são encontradas em carnes, ovos, leite e leguminosas, porém nem sempre é possível consumir a quantidade ideal apenas com a alimentação, e é aí que os suplementos alimentares entram.

Com alto valor biológico, os suplementos proteicos têm maior aproveitamento pelo organismo. A albumina, a proteína da clara do ovo, por exemplo, pode ser encontrada em forma de pó para misturar em bebidas.

Já o whey protein é a proteína do soro do leite que é filtrada e transformada em pó para preparo de shake e outros alimentos proteicos. Existem algumas diferenças entre os tipos de whey protein:

  • whey protein concentrado: primeira fração extraída no processo de separação das proteínas do leite. Chama-se proteína concentrada pois além da proteína do soto, conta com lactose, mineiras e lipídios. Sua concentração média fica entre 60 e 80%;
  • whey protein isolado: aqui a proteína já passou pela segunda filtração. Ocorre a redução de lactose e lipídeos, o que aumenta a pureza da proteína e eleva sua concentração para 90-97%;
  • whey protein hidrolisado: além de conter a proteína pura, ela é pré-digerida, facilitando a absorção. É indicada a pessoas que possuem problemas na digestão da lactose e dificuldades no processo de digestão estomacal e absorção intestinal.

Hipercalóricos

Não é apenas de proteínas que o corpo precisa para a hipertrofia. São necessários os carboidratos para os treinos, pois caso contrário o organismo desviará as proteínas da reparação muscular para a geração de energia.

Dessa maneira, os hipercalóricos entram para dar esse aporte de nutrientes. Eles contêm carboidratos simples e complexos, para fornecer energia de rápida e de longa duração, além de proteínas para auxiliar na regeneração dos músculos.

Esses suplementos podem se apresentar em pó para o preparo de shakes ou bebidas prontas. Como são fáceis de consumir, é uma ótima opção para atingir as necessidades calóricas sem precisar ingerir grandes quantidades de alimentos.

Aminoácidos

Os aminoácidos são substâncias que participam de diversas funções no organismo, principalmente no que se refere ao metabolismo. Sendo assim, a suplementação se faz necessária para alcançar resultados ainda mais satisfatórios.

A glutamina é um aminoácido livre e de maior quantidade em nosso corpo. Ela é responsável pela integridade do tecido muscular, atua no metabolismo energético e melhora o sistema imunológico. A suplementação auxilia o organismo no balanço nitrogenado positivo, significando a síntese de novas proteínas.

O BCAA é um conjunto de aminoácidos essenciais, isso quer dizer que o organismo não produz, por isso precisamos ingeri-lo por meio da alimentação ou suplementação. Ele é primordial nas estruturas musculares, aumentando a síntese de proteínas, reduzindo as chances de lesões e potencializando o desempenho dos treinos.

A creatina é composta por dois aminoácidos. Ela é usada pelo organismo na produção de energia para os músculos durante os exercícios físicos. Dessa maneira, a suplementação ajuda a aumentar o desempenho no treino e consequentemente a ganhar massa muscular.

Termogênicos

Os termogênicos são suplementos conhecidos por quem quer perder gordura corporal. Porém, eles também são indicados na hipertrofia por duas razões: melhorar a disposição e a energia e favorecer a definição muscular.

As substâncias termogênicas atuam elevando a temperatura do corpo, o que obriga o organismo a queimar gordura para manter a temperatura estável. Dessa forma, a gordura gasta serve como energia para o treino, dando mais disposição.

Por fim, com menor quantidade de gordura corporal, os músculos ficam mais aparentes e definidos.

O que saber ao consumir suplementos alimentares?

Os suplementos alimentares são produtos seguros, desde que sejam prescritos por um profissional e sejam de boa procedência. Porém é preciso saber de algumas questões antes de consumi-los.

Bons resultados

Os suplementos alimentares são produtos que vieram para potencializar o desempenho nos treinos fazendo com que o indivíduo atinja seus objetivos. Falando nos que auxiliam na hipertrofia, o que se pode esperar é o aumento da massa muscular de maneira mais efetiva e rápida.

Grande aliado

Devemos ver os suplementos para hipertrofia como grandes aliados no desejo de ganhar massa muscular. No entanto, é preciso ter a consciência de que são coadjuvantes no processo. A regularidade nos treinos, a dieta adequada e o descanso recomendado são os principais fatores.

Prescrição e acompanhamento

Os suplementos devem ser prescritos por um nutricionista, que avaliará as suas necessidades nutricionais e adequará a alimentação aos produtos.

Mas não é apenas isso! O acompanhamento com o profissional também é necessário para adaptação da dieta e dos suplementos a cada meta alcançada e objetivo novo.

Como vimos, os suplementos para hipertrofia são de grande ajuda para conquistar o ganho de massa magra e a definição. Cada um com suas funções, eles são capazes de aumentar os músculos, dar mais energia e disposição e queimar gordura para uma melhor composição corporal.

Agora que você já sabe quais são os melhores suplementos para hipertrofia, que tal aprender os erros mais comuns que interferem no processo de ganho de massa muscular? Aproveite que está por aqui e leia o nosso artigo que fala sobre o assunto!