blog-banner_proteina

Existe quantidade máxima de absorção proteica por refeição?

As necessidades proteicas diárias sempre tiveram quantidades estipuladas na literatura, porém, uma abordagem mais recente apresentada nos estudos do pesquisador Stuart Phillips (2014), considera a ingestão de proteína na dieta levando em conta o kg de peso corporal (g ptn/kg/ref).

Fora estipulado que 20g-30g de proteína por refeição estimularia ao máximo a síntese proteica muscular, levando em consideração uma quantidade de 2,5g-3,0g de L-leucina, dentro do total proteico da refeição, para o estímulo-gatilho da síntese proteica muscular. O cálculo é baseado em 300mg de proteína por peso corporal, por refeição. Exemplo: 70kg x 0,3g = 21g de proteína. Sendo que um adulto idoso necessitaria de 0,4g: 70kg x 0,4g = 28g de proteína.

Blog Integralmedica Banner Proteinas

Porém, o pesquisador americano Nicolas Deutz, em conjunto com o professor Robert Wolf, defendem que o efeito anabólico de uma refeição depende de quanto a síntese proteica é estimulada e de quanto o catabolismo é reduzido para que se tenha um maior balanço nitrogenado.

SAIBA MAIS:
OS DIFERENTES TIPOS DE PROTEÍNAS NO PROCESSO DE HIPERTROFIA
SUPLEMENTAÇÃO PARA INICIANTES

Em 2015, Kim e colaboradores compararam o efeito de 40g de proteína versus 70g de proteína ingeridos em uma refeição completa sobre as variáveis do balanço nitrogenado. Foi observado que a síntese proteica não apresentou diferença entre as quantidades, mas o catabolismo proteico foi reduzido com 70g de proteína, assim como o balanço nitrogenado foi positivo, demonstrando que o limite de absorção proteica não é de 30g de proteína por refeição.

Desta forma o nutricionista é o profissional que tem a capacidade de adequar a dieta e a suplementação para qualquer tipo de objetivo, seja estético, performance ou saúde.

Referências:

Nicolaas E. Deutz, Robert R. Wolfe. Is there a maximal anabolic response to protein intake with a meal? Clinical Nutrition 32 (2013) 309e313

Kim IY, Schutzler S, Schrader A, Spencer HJ, Azhar G, Ferrando AA, Wolfe RR. The anabolic response to a meal containing different amounts of protein is not limited by the maximal stimulation of protein synthesis in healthy young adults. Am J Physiol Endocrinol Metab. 2016 Jan 1;310(1)

Compartilhe esse Post

Share on facebook
Share on twitter
Rolar para cima