Crossfit é uma ótima opção para lutadores de MMA?

9c8d53bc5dff6d616a21c586abd94c7bcb46eab2

Crossfit pode ser definido como uma combinação de movimentos funcionais de alta intensidade e constantemente variados. Movimentos funcionais são aqueles de caráter natural, que podem ser reproduzidos no dia-a-dia de uma pessoa (como se agachar para sentar, ou empurrar uma carga para cima da cabeça, como se estivesse guardando uma mala em um armário). Variar constantemente os exercícios é uma excelente forma de trabalhar uma maior gama de movimentos funcionais, evitando também uma monotonia causada pela repetição constante de exercícios/movimentos, e por ultimo a alta intensidade é fundamental para se conseguir o objetivo almejado, seja melhora da performance, aumento de massa muscular ou diminuição da gordura corporal. Outra característica marcante do crossfit são as capacidades físicas trabalhadas: cardiorrespiratória, resistência, força, flexibilidade, potência, velocidade, coordenação, precisão, agilidade e equilíbrio.

Como vimos acima, o crossfit tem tudo a ver com esportes de alto rendimento, não é? Esportes como o MMA são caracterizados por movimentos funcionais e complexos, pois utilizam vários músculos e articulações em um mesmo movimento. Por exemplo, quando se aplica um chute no MMA, não se utiliza apenas as pernas, mas sim o corpo como um todo, pois é necessária uma grande potência no quadril para que o chute seja explosivo e uma constante ativação do core para auxiliar na produção de força e potência, além de dar a estabilidade necessária para a correta execução do movimento.

Fora isso, o MMA necessita de todas as capacidades físicas trabalhadas no crossfit e citadas no parágrafo anterior. Força, potência e agilidade são algumas das capacidades físicas essenciais para quem pratica MMA, assim como as outras 7 capacidades trabalhadas no crossfit e importantes para atletas de MMA. Essas capacidades são trabalhadas especialmente pela variação de movimentos e exercícios presentes no crossfit. Outro ponto fundamental do crossfit é a alta intensidade dos treinos. Treinamento de alta intensidade tem sido correlacionado com melhora na performance esportiva, e no caso do MMA é indispensável que na preparação física seja utilizada a alta intensidade, devido a baixa frequência de treinos físicos durante a semana (geralmente varia de 2 a 3 sessões de treinos físicos na semana).

O crossfit pode ser uma excelente ferramenta para desenvolver o nível físico de um atleta de MMA. Entretanto, alguns cuidados devem ser tomados. O crossfit tem como filosofia a melhora de todas as capacidades físicas de um indivíduo, porém sem se especializar em alguma delas. Ou seja, o ideal, não adianta um atleta ser extremamente forte, se não tiver flexibilidade ou capacidade cardiorrespiratória. O Atleta tem que ser bom em todas as capacidades, sem ser ótimo em alguma capacidade específica. Já no MMA, muitas vezes direcionamos o treino para uma deficiência do atleta, ou mesmo traçamos uma estratégia para uma determinada luta.

Por exemplo, se um atleta tem como principal característica o jogo em pé (boxe ou kickboxing) e como sua maior deficiência o jogo no chão (jiu-jitsu), ele deve trabalhar principalmente as regiões responsáveis pelas defesas de queda (quadril, por exemplo), caso a estratégia seja se defender das possíveis quedas do seu adversário e manter a luta em pé. Isso é especificidade! Nesse sentido, o treino de crossfit pode ser adaptado para a necessidade do atleta. Outra coisa que deve ser analisada é o período em que o atleta está na sua periodização. Como exemplo, podemos citar o lutador na fase final de sua preparação, perdendo uma grande quantidade de peso. Nesse período, o atleta esta muito debilitado pela falta de energia decorrente da baixa ingestão calórica, e deve-se evitar treinos muitos volumosos. Mais uma vez o crossfit pode ser adaptado para a necessidade do atleta.

Alguns atletas, como BJ Penn, vem utilizando o crossfit em sua preparação física e obtendo sucesso. O crossfit pode ser adaptado para lutadores de MMA, se tornando uma importante ferramenta para a melhora física do atleta.

 

Compartilhe esse Post

Share on facebook
Share on twitter
Rolar para cima